Receita Para Diabeticos Hoje

Como você deve já saber, existem alguns tipos diferentes de receita para Diabéticos, mas em todos esses tipos existe uma orientação nutricional que é bem parecida. Alimentar-se corretamente é um dos grandes desafios, visto que o tempo e também a correria do dia a dia dificultam esse processo do preparo dos alimentos. E no caso dos industrializados lhe a falsa impressão de praticidade.

Receita para diabéticos no almoço

Mas, as receita para diabéticos para pessoas que possuam diabetes é bem fácil. Existem várias opções gostosas, não precisam ser sem tempero, devem ser um tipo de alimentação feita sempre, sem intervalos. A nutricionista Adriana Lúcia van-Erven Ávila nos deu algumas dicas de refeições e lanches que possuem todos os nutrientes que precisamos para conseguir um equilíbrio do organismo. Verduras, por exemplo, junto com os legumes são fundamentais para o bom funcionamento do nosso intestino e para ajudar no controle da glicose.

“Peixes em geral com ômega 3, como o linguado,a truta,o salmão namorado,o atum,a sardinha, também fazem  um controle da glicose. Comer quase sempre esse tipo de carne é fundamental”, comentou a nutricionista. Esses alimentos são importantes para o ganho e a preservação de nossa massa muscular, já que fornecem muitas proteínas. Mas também é essencial que as carnes magras sejam escolhidas, ao invés das mais gordurosas.

“A pessoa diabética pode comer qualquer tipo de fruta por exemplo manga, figo, uva e caqui. Também podemos incluir laranja, goiaba e maçã que possuem fibras solúveis, que também vão ajudar no controle da glicose”. Explica Adriana, e ressalva também que deverão ser consumidas com uma certa moderação, já que são ricas em frutose, o açúcar da fruta.

Alguns exemplos de receita para diabéticos

Vamos a receita para diabéticos

Almoço 1

• Salada de alface roxa com pepino;

• Cevadinha;

• Grão de bico;

• Salmão grelhado;

• Espinafre refogado;

• Maçã com casca;

Almoço 2:

• Salada de rúcula com cenoura crua ralada grossa;

• Granola salgada;

• Ervilha;

• Frango assado sem pele;

• Brócolis cozido no vapor;

• Uva rosada;

Almoço 3:

• Salada de escarola com tomate em rodelas;

• Quinua;

• Lentilha;

• Carne assada;

• Purê de abóbora;

• Melão;

Almoço 4:

• Salada de alface americana com palitos de beterraba;

• Macarrão integral;

• Soja;

• Atum desfiado;

• Repolho cozido;

• Manga;

Almoço 5:

• Salada de agrião com rodelas de abobrinha;

• Purê de batata doce;

• Lentilha;

• Rosbife;

• Vagem refogada;

• Laranja com bagaço;

Almoço 6:

• Salada de acelga com rabanete;

• Arroz integral;

• Feijão;

• Frango grelhado;

• Berinjela no forno;

• Goiaba;

A insulina é um hormônio que vai permitir que o açúcar, que está em nossa corrente sanguínea, entre dentro de nossas células, para serem usados como fonte de energia. Esse hormônio, que é produzido dentro do pâncreas, não funcionará adequadamente, a glicose no sangue vai aumentar. E, aí ocorre o diabetes da forma como já conhecemos. É muito importante que o diabético se alimente a cada 3 horas de preferencia, por isso, os lanches também possuem um papel de destaque em nossas vidas de diabéticos.

Lanches perfeitos para diabéticos

Você sabe o que significa diabetes Juvenilis/Diabetes Mellitus?

Talvez você não conheça por esse nome mas deve saber o que é e saiba também porque os lanches devem ser especiais pra você também. Os dois tipos de diabetes: o diabetes tipo 1, que cientificamente é o diabetes juvenilis e o diabetes tipo 2, que é o tal de diabetes mellitus. O diabetes juvenilis é adquirido logo na infância ou até na adolescência e, o diabetes mellitus na sua idade adulta.

Entre os mais conhecidos sintomas que conhecemos do diabetes do tipo 1. Está a sede e a fome frequente, a grande vontade de urinar, uma perda de peso,fadiga,oscilações de humor, fraqueza e também náusea. E no caso do diabetes do tipo 2, entre os principais sintomas estão a grande alteração da visão, um formigamento nos pés, furúnculos, e também dificuldade de cicatrização das feridas.

A importância dos lanches

Comer a cada 3 em 3 horas é uma boa estratégia no controle dos níveis de açúcar no sangue. Pequenas refeições e lanches que tenham uma boa mistura de macros. A proteína, fibra e gordura de boa qualidade, ajudam a controlar a fome e o nível de nossa glicose durante o dia inteiro.

Veja logo aqui abaixo algumas dicas de receita para diabéticos mas de lanches, que são muito nutritivos.

 

1. Amêndoas e Cranberries

É um lanche doce e bem crocante. Essa mistura de castanhas com frutas secas é sempre muito saborosa interessante. As amêndoas diminuem muito seus picos de glicose e, dão saciedade em sua fome. Os cranberries limpam suas vias urinárias de forma natural e, são um complemento maravilhoso para as amêndoas. Não exagere na quantidade mesmo sendo uma delicia. Apenas duas colheres de sopa de cada um vão somar 20 gramas de carboidrato, que é uma quantidade bem razoável.

 

2. Iogurte grego e passas

Por acaso você já comeu iogurte do tipo “grego”? É uma delícia! Apenas a metade de uma xícara de iogurte tipo grego e uma colher de sopa de passas é um ótimo lanchinho saudável para os diabéticos. Vai lhe satisfazer muito bem. Ao contrário do que se diz muito, passas não fazem com que a glicose suba.

 

3. Salada de ovo

Ovos cozidos são fonte de proteína de muita qualidade os melhores na verdade. Além disso, oferecem uma vantagem de serem facilmente carregados. Você também poderá amassá-los. Você pode acrescentar uma colher de chá de maionese, fazer um lanche com uma fatia de pão sem glúten para deixar mais gostoso.

William Davis, autor do bestseller Barriga de Trigo, o glúten, que está no trigo e, também em outros cereais. São um dos maiores fatores que provocam o aumento da glicose no sangue.

 

Alimentação Ideal para o diabético

Entre as opções de estilo de alimentação, alguns exemplos são a dieta mediterrânea que é um estilo favorável para pessoas diabéticas. Se pode reduzir as chances de contrair essa doença e, aumentar a qualidade de vida. Para aqueles que já possuem a doença instalada.

O ideal é comer pouca carne vermelha e uma quantia maior de legumes, frutas, grãos integrais, nozes, azeite de oliva, peixe e vinho. Esses últimos em quantidade bem moderada.

Se você gostou das receitas que coloquei aqui podem deixar um comentário e recomendamos também que você leia esse artigo que vai lhe ajudar mais ainda na luta contra a diabetes.

 

along

Website:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *